Exposições

Exposição “LUGARALGUM | OTHERWHERE”

Marginalia Project em parceria com Luisa Horta

Importante núcleo de experimentação em arte e tecnologia em Belo Horizonte, o Marginalia+Lab abre suas portas na próxima sexta com uma nova atração. Trata-se da videoinstalação interativa “lugaralgum | otherwhere”, criada pelo coletivo Marginalia Project em parceria com a artista Luisa Horta.

Neste trabalho, os artistas convidam o público a manipular uma lanterna e explorar, por meio dela, imagens até então ocultas no interior de uma sala escura. “Nesse trabalho, a ideia de interação veio a partir da necessidade de explorar um componente específico da técnica fotográfica: o processo de criação da imagem. Em síntese, nossa ideia foi trazer essa experiência, geralmente restrita ao artista, para o público e o momento da fruição”, conta André Mintz, integrante do Marginalia Project.

“Buscamos explorar o processo construído na presença do público, de acordo com sua subjetividade e seu tempo de interação com cada imagem”, completa. Entre as imagens reveladas pela luz das lanternas, estão interferências presenciais de Luisa Horta em algumas paisagens naturais e outras, projetadas.

Visitação:
17 de novembro a 18 de dezembro, entrada gratuita

Horário:
Quinta a domingo, das 15h às 21h

Local:
Marginalia+Lab (av. Brasil, 75, cj. 3, Santa Efigênia)

Sobre os artistas:

Marginalia Project

Formado por Aline X, André Mintz e Pedro Veneroso, o coletivo Marginalia Project cria trabalhos que abordam a tecnologia de formas não convencionais, imbuindo sua utilização de perspectivas estéticas – geralmente críticas, sempre lúdicas. Em atividade desde 2008, o grupo expôs trabalhos em Belo Horizonte, São Paulo, Recife e Nanchang, China. Desde 2009, o Marginalia Project mantém em Belo Horizonte o Marginalia+Lab, laboratório de arte e tecnologia que já sediou o desenvolvimento de dezenas de projetos, em residências e workshops.

A instalação “lugaralgum” é um desdobramento do protótipo Marginalia 1.0 Beta, primeira experiência do grupo, vencedor do Festival Conexões Tecnológicas, do Instituto Sergio Motta, em 2008.

Luisa Horta

Luísa Horta é artista visual, graduanda em Artes Gráficas e Fotografia pela UFMG. Atua nas artes circenses, na dança e no cinema. É colaboradora frequente de projetos cênicos e performáticos, alternando funções como diretora de arte e pesquisadora. Possui como fio condutor do seu trabalho as relações de tensão e construção do corpo mediado pela arquitetura, investigando a foto e o vídeo como performance e investindo no cruzamento de linguagens como integração das várias facetas de sua formação.

Recentemente fez a direção de arte da cena curta “Rosângelas”, direção de Júlia Branco – selecionada para o Festival de Cenas Curtas do Galpão Cine Horto, participou da residência Ateliê Aberto #2, no espaço cultural Casa Tomada – SP, e das exposições coletivas “Bienal Zero” – Bienal Universitária da América Latina na Escola Guignard e “Corpo Coletivo” no Centro Cultural da UFMG.

++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s