A arte como processo de autoconhecimento

Em dose dupla, exposições na Biblioteca Central e na biblioteca do colégio Técnico (Coltec) da UFMG, ambas no campus Pampulha, mostram as experiências afetivas de crianças e adolescentes com as artes visuais e a autoimagem. Frutos dos projetos do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (Pibid) em Artes Visuais, em parceria com o Centro Pedagógico e o Colégio Técnico da UFMG, as exposições Do continente chamado: EU e Arte postal e suas poéticas são um convite ao deleite e à autorreflexão. A entrada é gratuita.

 Do continente chamado: EU

Retratos e autorretratos, um mundo de autodescoberta, cores, imaginação. Tudo isso e muito mais pode ser conferido até o dia 21 de novembro na exposição “Do continente chamado: EU”, no segundo andar da Biblioteca Central da UFMG.

A mostra é resultado do projeto “Retratos e Autorretratos” e busca trabalhar a relação de crianças do Centro Pedagógico com a autoimagem, auxiliando no crescimento e construção de uma identidade. Segundo a professora de artes visuais do CP, Marilza Dutra, a exposição visa justamente dar visibilidade ao trabalho dos alunos, além de proporcionar um momento de deleite aos visitantes. “Uma exposição é a melhor forma de mostramos a produção artística e o conhecimento das crianças acerca da arte. Se, por meio desse incentivo, formarmos artistas, ficaremos felizes”.

CP 2

CP´ 3

A aluna do curso de Química da UFMG, Rayane Ellen Fernandes Silva, elogiou a iniciativa: “É interessante porque desperta um olhar crítico e deixa o ambiente da biblioteca mais harmonioso, quebra a rotina nossa da correria dos estudos”.

Arte postal e suas poéticas

Traçar um caminho, por meio dos cartões e das poesias, e assim encontrar um destino para os postais. Por meio dessa perspectiva foi feita a montagem da exposição “Arte Postal e Suas Poéticas”, fruto do projeto “Relatos de Experiência”, do PIBID Artes Visuais, da Faculdade de Educação da UFMG, em parceria com o Colégio Técnico.

C-1

C 3

O objetivo do trabalho foi conscientizar os alunos do Coltec a fazerem uma reflexão sobre a imagem e identidade, o olhar fotográfico, a mescla das diferentes artes visuais com fotografia e  literatura. Além disso, buscou-se uma reflexão acerca dos cartões postais, mostrando que, além de serem correspondências trocadas pelo correio, são uma alternativa aos meio tradicionais de expressão da arte.

A produção dos cartões postais expostos foi feita pelos próprios estudantes do Coltec, levando em conta essas reflexões e a experiência estética da fotografia. A montagem da exposição dos trabalhos foi realizada pelas alunas integrantes do projeto “Biblioteca Viva” e pela bibliotecária Cláudia Grossi.

 “Nessa mostra, o trabalho artístico é dos alunos, e isso deu um toque ou um sabor

C-2

diferente. Foi como abrir mais uma porta e mostrar à comunidade um pouco de cada um envolvido, suas expressões, sentimentos e o olhar pessoal através do click”, enfatiza Cláudia.

Confira mais fotografias no Facebook da Biblioteca!

Fotos e texto:

Carla Pedrosa – Jornalista / Coordenadora da Divisão de Comunicação da Biblioteca Universitária

ACS | Sistema de Bibliotecas UFMG
(31)3409-5521
comunicacao@bu.ufmg.br
http://www.bu.ufmg.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s